Adolescente cristã é presa na Tanzânia por não negar a sua fé.

Uma garota de 17 anos foi condenada A dois anos de prisão na Tanzânia, acusada de profanar o livro sagrado islâmico, o Alcorão. A adolescente Eva Abdullah se converteu ao cristianismo, o que a fez ser deserdada por seus pais levou um grupo de radicais a tentar persuadi-la a renunciar sua fé.

De acordo com o ministério Portas Abertas, Em 26 de julho desse ano, a jovem foi condenada à reclusão por um juiz que teria sido subornado por militantes islâmicos e, por ter se recusado a negar sua fé, foi falsamente acusada de ter pecado contra o Alcorão.

O Portas Abertas explica ainda que muitos líderes cristãos da região de Bagamoyo, sua cidade natal, têm medo de defendê-la por medo de sofrer retaliações dos moradores do distrito, de maioria muçulmana.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s